Resenha de Assassinato no expresso do oriente. Agatha Christie #2



Imagem da internet









Título: Assassinato no expresso do oriente.
Autor: Agatha Chistie
Editora: Nova Fronteira
Gênero: Policial
Ano: 2012
Página: 237 páginas
Avaliação: Image and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPicImage and video hosting by TinyPic


                                                  Sinopse

“Pouco depois da meia-noite, uma tempestade de neve pára o Expresso do Oriente nos trilhos. O luxuoso trem está surpreendentemente cheio para essa época do ano. Mas, na manhã seguinte, há um passageiro a menos. Uma americano é encontrado morto em sua cabina, com doze facadas, e a porta estava trancada por dentro. Pistas falsas são colocadas no caminho de Hercule Poirot para tentar mantê-lo fora de cena, mas, num dramático desenlace, ele apresenta não uma, mas duas soluções para o crime”

Assassinato no expresso do oriente é mais uma das aventuras de Hercule Poirot, um investigador que sem querer se envolve em um misterioso assassinato, numa busca sem cessar para encontrar o assassino, porem este não presuma ser tão fácil. Quando Herculano recusa um caso (proteger Ratchett) não tem a menor ideia do que o espera! Intrigas, revelações e muito mistério rondam este.

Este livro é ótimo, um emaranhado de personagem até em tão todos suspeitos, que estão seguindo viagem no Wagons Lits. Ao longo da leitura me envolvi completamente com a história, que é bem construída e desenvolvida, todos os fatos são ligados e não há qualquer tipo de incoerência. O que mais chama atenção é o fato de como Agatha joga e revela cada personalidade, narrado com muito bom gosto este livro policial. Hercule Poirot é um famoso investigador descrição básica do nosso protagonista, deixando meio vago a imagem que o leitor imagina dele, pois não tem definição de como ele é fisicamente, alto, magro, moreno, olhos verdes? Quem sabe! Então o imaginei ele lindo e perfeito.

Hercule também é um personagem marcado pela sua personalidade centrada, ele não acredita em tudo o que lhe é apresentado, recolhe os fatos e revisar todos os detalhes antes de ter uma ideia formada. O livro é uma narrativa dentro de outra narrativa que é bem complexa, a onde há mentira em cima de mentira, num ciclo que parece não ter fim.

 É um livro perfeito a onde o narrador personagem, que é Poirot, sabe ligar os fatos e envolver o leitor no misterioso caso de assassinato que ele investiga. Christie esta de parabéns, ainda não tinha lido nem um de seus livros, e ao ler este eu adorei e recomendo, agora é só ler as outras aventuras de Hercule Poirot!

Enfim, ao chegar ao final dessa história magnifica, (fico de cara, kkkk), meu Deus é muito bom, fico me perguntando se era este mesmo o final que a autora queria para o livro, só posso dizer que amei, amei e amei muito ler Assassinato no expresso do oriente!

0 comentários:

Postar um comentário

Oii, agradeço a visitinha! espero que tenha gostado, sua opinião é muito importante!
Bjus!